Comenda Padre Victor foi sancionada pelo Governador

Comenda Padre Victor foi sancionada pelo Governador

O governador sancionou último dia 09 a Lei 22.857, de 08 de janeiro de 2018, que institui a Comenda Padre Victor. A condecoração é uma homenagem do Estado de Minas Gerais concedida às pessoas físicas e jurídicas que tenham se destacado em atividades relacionadas com o fomento à educação, à assistência social, ao combate à desigualdade social, à promoção da cidadania e da dignidade humana.

A lei estadual iniciou-se com um o Projeto de Lei 4.032/17 de autoria do deputado Dalmo Ribeiro (PSDB), aprovado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) no dia 06/12/17. O deputado comemorou – “É um importante reconhecimento pela vida e obra deste grande beato, que tanto fez pelo povo e pelo querido município de Três Pontas, no nosso Sul de Minas, reconhecida como terra do Padre Victor”.

A escolha dos agraciados com a Comenda Padre Victor será coordenada por um comitê a ser designado pelo governador do Estado, sendo o prefeito de Três Pontas o presidente de honra deste comitê. Essa condecoração será entregue anualmente pelo governador, em 15 de novembro, em Três Pontas (Sul de Minas).

Padre Victor nasceu em Campanha (MG) em 12 de abril de 1827, mas durante 53 anos esteve à frente da Paróquia Nossa Senhora D’Ajuda (em Três Pontas), durante todo este tempo foi exemplo de fé, esperança, prudência, justiça, temperança, humildade, temor a Deus e, sobretudo, a caridade. Um homem que vivia de esmolas e dava esmolas.

Em Três Pontas, a homenagem ao Padre Victor é feita na data da sua morte – 23 de setembro de 1905. Em 2015, os cardeais aprovaram no Vaticano, por unanimidade, um milagre atribuído ao padre Francisco de Paula Victor. O milagre reconhecido foi a cura inexplicável de um morador da cidade. Esta cura já havia sido reconhecida por médicos do Vaticano e por uma comissão de teólogos.

Comentários

Comentários

%d blogueiros gostam disto: